Desafio do Conhecimento

Scrum e Sprint

Scrum e Sprint
Construir e apresentar um projeto de forma prática, com técnicas ágeis de gerenciamento e facilitar que o aprendizado seja absorvido durante todas as etapas do processo. No The Box, os participantes têm essa experiência por meio da influência da metodologia Scrum, que possui um framework para gerenciamento de projetos ágeis muito utilizado na área de desenvolvimento de softwares.

O que é framework?
Framework, também chamado de arcabouço, é o conjunto de ferramentas que facilitam a concentração dos desenvolvedores, focando sua atenção somente no desenvolvimento de um projeto e em sua aplicabilidade.

O framework do Scrum é um conjunto composto por pequenas equipes, que executam tarefas com duração fixa e ciclos interativos, sempre apoiados em regras que servem para unir todos esses componentes.

Scrum
Desenvolvida em 1995 por Jeff Sutherland e Ken Schwaber, a metodologia Scrum se baseou em um momento na partida de Rugby no qual todos os jogadores do time devem estar em sintonia com os companheiros, exercendo força de forma coordenada e sincronizada para ganhar a partida. O objetivo do método é aumentar a produtividade, utilizando técnicas e processos que foram testados e comprovados em diversas companhias no mundo todo.

Ao trazer essa técnica para o gerenciamento de projetos, uma das principais características do Scrum é permitir o desenvolvimento de projetos complexos de uma forma iterativa, ao decompor o processo em pequenas etapas mais rápidas e fáceis de serem desenvolvidas e entregues.

No Scrum estas iterações (processos que se repetem diversas vezes para se chegar a um resultado, gerando a cada vez um resultado parcial que será utilizado em seguida)  são chamadas de Sprints, que tem como característica marcante de sua estrutura e aplicação o controle sobre os trabalhos realizados, além da possibilidade de correção e adaptação rápida, permitindo que a equipe altere sua forma de agir ou de pensar o mais breve possível, evitando que problemas ou erros causem danos maiores ao processo.

Sprint
O conceito de Sprint permite a divisão de um grande projeto que possui uma data de início e uma data de entrega final, em vários outros pequenos projetos, com várias datas de início e fim bem definidas. Esta divisão possibilita que as tarefas de controle sejam realizadas em cima de partes menores, mais claras e mais visíveis, além do término total de pequenas partes do sistema ao final de cada um destes pequenos projetos.

O sprint é um período de tempo onde um trabalho específico deve ser executado, concluído e preparado para uma posterior revisão. Um novo sprint se inicia imediatamente após a conclusão do sprint anterior, sendo assim, não é possível dar início a outro em paralelo.

Os sprints são compostos por:

  • Reunião de planejamento do sprint;
  • O trabalho de desenvolvimento (execução);
  • Reuniões diárias;
  • Revisão do sprint;
  • Retrospectiva do sprint.

Scrum, Sprint e o The Box

Ao levar a influência da metodologia do Scrum e Sprint para o The Box, os estudantes têm a oportunidade de realizarem grandes projetos por meio de pequenas etapas, absorvendo todo o aprendizado de cada uma delas. Eles definem os papéis e as responsabilidades necessárias de cada etapa para a condução do projeto, identificam erros com mais facilidade, tendo tempo hábil para repará-los e ter mais chance de êxito em sua aplicabilidade final.  

Além disso, as metodologias, assim como o The Box, defendem o conceito de auto gerenciamento, no qual o projeto pode ser desenvolvido sem a necessidade de um gerente de projetos, mas com a integração efetiva de toda a equipe e a consciência dos integrantes sobre cada uma das etapas de construção do projeto.

Outras matérias

School in the cloud: A cada pergunta, um estímulo ao conhecimento

saiba mais

Educação na era do Vale do Silício

saiba mais